Tratamento de Atrofia Vaginal

O período da menopausa apresenta como primeiros sinais os fenômenos vasomotores, que consistem principalmente nos fogachos, e cerca de 4 a 5 anos após a instalação da menopausa iniciam-se os sintomas de Atrofia Vaginal, ou Atrofia Genital, que são decorrência da ausência dos hormônios no organismo. Uma das queixas principais desta atrofia são dores durante a relação sexual, que muitas pacientes mencionam pelo termo “secura vaginal”, ou seja, a ausência de lubrificação na região íntima.

 

Outra queixa frequente é a incontinência urinária, que vem aparacendo gradativamente com os anos após a menopausa. A mulher começa a perceber que não consegue controlar a urina em situações comuns do dia-a-dia como rir, tossir, espirrar, praticar exercícios físicos ou não conseguir chegar a tempo no banheiro, por exemplo. O tratamento a Laser CO2 pode ser uma alternativa não cirúrgica, para a recuperação do Trofismo e da elasticidade da vagina, uma vez que o seu princípio é a estimulação do colágeno, promovendo o rejuvenescimento genital. O método utilizado para tratamento dos casos de atrofia vaginal é o Monalisa Touch.

 

É extremamente importante que a paciente seja orientada em qual o melhor tratamento para o seu caso, portanto é necessário uma consulta, para prescrever o procedimento correto. Muitos casos necessitam do procedimento cirúrgico e o Laser CO2 pode ser complemento para pós-cirúrgicos que ainda apresentem sintomas de atrofia.

Entre em contato e agende sua consulta.